Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Vigilância Epidemiológica

A difteria é doença de notificação compulsória e deve ter seu registro realizado na ficha de investigação da difteria, do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan). Todo caso suspeito deve ser notificado imediatamente, para desencadeamento da investigação e adoção das medidas de controle pertinentes.

Caso Suspeito de Difteria

Toda pessoa que, independentemente da idade e estado vacinal, apresentar quadro agudo de infecção da orofaringe, com presença de placas aderentes ocupando as amígdalas, com ou sem invasão de outras áreas da faringe (palato e úvula) ou outras localizações (ocular, nasal, vaginal, pele, por exemplo), com comprometimento do estado geral e febre moderada.

Arquivos anexos

Centro Estadual de Vigilância em Saúde